4 de março de 2021

PÓS-TREINO: Conheça quais os melhores alimentos naturais para você consumir após o treino

O momento em que concluímos nossa rotina diária de exercícios físicos, seja na academia ou em casa, é chamado de ”pós-treino”. Quando falamos nele, a única certeza é que é tentador já procurar algo para comer. O apetite abre e o desejo de se doar uma recompensa depois de tanto esforço, aparece.

Com isso muita gente acaba pecando e ocasionando o inverso do que deseja. Isso ocorre porque, logo após a finalização do exercício, é preciso tomar alguns cuidados com o corpo. Esses refletem diretamente na alimentação, afinal, são os alimentos que garantem a energia necessária para realizar o treino e também promovem a recuperação, a tonificação muscular e o ganho de músculos.

Sendo então, a alimentação, um dos pilares que ajudam a promover o ganho de músculos e a perda de peso, com as estratégias certas aplicadas antes, durante e após o treino, elas podem otimizar o rendimento e garantir resultados mais rápidos.

Mas afinal, quais os melhores alimentos para consumir no Pós-Treino?

A alimentação do pós-treino, deve ser rica em proteínas e carboidratos. Frutas, legumes, lácteos, e líquidos também não ficam de fora.

Melhores líquidos para o Pós-Treino:

A hidratação é algo que merece nossa atenção durante e depois dos exercícios. Isso porque, no decorrer do treino, a temperatura do nosso corpo aumenta e consequentemente a produção do suor também. Junto a ele, também eliminamos eletrólitos (sódio e outros) que precisam com esse gasto, serem regulados.

No decorrer do treino, é importante manter a hidratação para que se regule a água e os sais que perdemos do nosso organismo, durante o esforço físico. Imagem: Divulgação.

Fontes naturais como a água saborizada ou normal, leite, água de coco ou suco de frutas, é uma opção. Dentre elas, a água de coco se mostra,  uma excelente fonte natural de isotônico, que mantém o equilíbrio necessário entre a água e os sais no seu organismo.  Adicionar uma limonada, um suco verde, ou frutas típicas da estação na sua água de coco, darão um sabor a mais a bebida e pode otimizar ainda mais os resultados.

Melhores frutas para o Pós-Treino:

As frutas trazem diversos benefícios ao corpo. Elas possuem frutose (açúcar natural), são fontes saudáveis de carboidrato, além de minerais diversos, betacaroteno e vitaminas, em especial a do tipo C. Esses componentes são os responsáveis para afastar radicais livres (incidentes para quem pratica esportes). Ainda elevam a imunidade e ajudam no relaxamento muscular.

Algumas das mais indicadas, são: banana, abacate, kiwi, limão, mamão, maçã, laranja, melancia, frutas vermelhas e manga.

Frutas ajudam no relaxamento muscular e afastam radicais livres. Sendo uma ótima opção alimentar para consumir após os treinos. Imagem: Divulgação.

 

Melhores Proteínas para o Pós-Treino:

As proteínas são essenciais no processo de ganho de massa muscular e de queima de gordura. Seja a vegetal ou proteína animal, ela é um alimento básico com excelentes componentes para os nossos músculos. Elas ajudam na sua construção e na recuperação de lesões no músculo durante os exercícios e ainda  mantém a creatina natural no nosso corpo. Em especial por essas razões, ela  é considerada uma das melhores alternativas de alimentos para comer no pós-treino que ajudam ainda, no processo de perda de peso e na garantia de sensação de saciedade.

Alimentos ricos em proteínas são considerados uma das melhores alternativas para comer no pós-treino. Imagem: Divulgação.

Enquanto aos alimentos você pode optar por: ovos, iogurtes, carnes, queijos (de preferência, o cottage). No grupo das proteínas vegetais, você pode dar preferência para: grão de bico, feijão, quinoa, nozes e lentilha. No grupo das proteínas animais, você pode dar prioridade as carnes magras. Entre elas, estão: o peito de frango e peixes (sardinha, atum, salmão e frutos do mar em geral).

Melhores carboidratos para o Pós-Treino:

Os carboidratos são essenciais para repor seus estoques de energia e garantir o padrão anabólico. Após o treino, seu corpo passa por um  processo de recuperação que envolve a restauração dos estoques de glicogênio hepático e muscular. Os alimentos ricos em carboidratos são fundamentais nessa etapa.

Os carboidratos ajudam a repor os estoques de energia do corpo sendo ótimas escolhas para de consumo para o pós-treino. Imagem: Divulgação.

Por isso, invista em: batata doce, mandioca, madioquinha ou aipim, frutas, grãos integrais, arroz e macarrão integral, linhaça, farinhas especiais e aveia são alimentos que  garantem o carboidrato imediato no pós-treino e que ajudam a saciar rapidamente, alavancando também, o processo de perda de peso.

Existem alimentos que é melhor evitar?

A resposta é sim.  Alguns alimentos podem não agir de forma positiva no seu corpo, seja para potencializar o ganho de massa muscular ou até mesmo perder gordura após o treino. Isso ocorre, porque alguns alimentos carregam substâncias que atrapalham a regeneração muscular e o processo de queima de gordura.

Alguns desses alimentos, são: alimentos feitos de farinha branca, doces, shakes, frituras, falsos saudáveis (barras de cereais), carnes com gordura, (em especial a vermelha), e bebidas alcoólicas.

Quer receber mais conteúdos como esse por email?

Cadastre-se gratuitamente e receba conteúdos para Queimar Gordura!

Quanto tempo depois do treino devo comer?

Agora que você já conhece os alimentos, que vão ajudar a otimizar seu treino e potencializar seus resultados, Ficou na dúvida sobre quanto tempo depois do treino  deve comer?

A primeira hora, é fundamental para recuperar o que o esforço físico promoveu aos músculos, em especial. Quanto mais rápido você consumir alimentos  no pós-treino, maior a reposta para a promoção de síntese magra e também manutenção da imunidade.

Confira mais dicas sobre a alimentação antes e após o treino no vídeo a seguir:

Beijos da Nutri,

Vanessa Baad

Deixe seu comentário